Conexão Digital
16/10/2013
Delivery do futuro: empresa usa drones para entregar livros na Austrália

    A empresa australiana de empréstimo e compra de livros Zookal fechou uma parceria com a startup Flirtey para realizar entregas de seus produtos minutos depois que o pedido foi fechado - via drones.

    "Drones tem essa conotação negativa", disse o fundador e CEO da Zookal, Ahmed Haider, ao Mashable. "Queremos inseri-los em usos comerciais e mostrar que eles podem ter um impacto muito positivo."

    A novidade funciona da seguinte forma: o usuário realiza uma compra por meio de um aplicativo no seu smartphone Android e seleciona a Flirtey como método de entrega. E pronto, em dois ou três minutos depois o comprador recebe um drone em casa com seu pacote - e a entrega ainda pode ser rastreada via Google Maps.

    Vale lembrar que os drones foram projetados com tecnologia de segurança, ou seja, eles são programados para evitar colisões e desviar de pássaros, árvores ou até mesmo casas e prédios. Eles podem carregar até 2 quilos e reduzirão consideravelmente o custo da entrega - o que hoje é feito por 29,95 dólares australianos (cerca de R$60), será reduzido para 2,99 dólares australianos (cerca de R$6), de acordo com o The Sydney Morning Herald.

    Por enquanto os drones realizarão apenas entregas de livros didáticos e outros materiais educativos em um raio de pouco mais de 900 metros de um centro de expedição. No entanto, o CEO afirmou que, com sua equipe especializada melhorando a tecnologia dia a dia, ele espera que esse alcance aumente para 5 ou 10 quilômetros.

    Além disso, no futuro, é possível que vejamos drones entregando outros tipos de produtos, como roupas, eletrônicos e outros bens de consumo - e, porque não, até sangue para hospitais, de acordo com Haider.

    "As pessoas ficam espantadas quando veem os drones", disse Haider ao site. "Mas todas as tecnologias parecem um pouco loucas antes de se tornarem mundiais. Décadas atrás, viajar de avião era visto como absurdo, e olha como é comum hoje em dia."

    O método de entrega está em testes e funciona apenas em alguns locais de Sydney, próximo a uma sede da Zookal, mas Haider espera que possa ampliar as entregas para outras cidades, até que seja possível tê-las em todo o país.

    As entregas via drone estarão funcionando oficialmente a partir de março de 2014 para estudantes australianos. A Zookal planeja testar os drones em mercados asiáticos antes de implementá-los nos Estados Unidos em 2015.

    "É muito, muito eficiente", disse ele. "Não há nenhuma razão de não vermos qualquer coisa que você compra online enviado por drones".

    Fonte: IDG Now!